Força Tarefa do CREA-SP em Taubaté & Região

Compartilhe!

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) deu início, no dia 13 de setembro de 2021, a uma força-tarefa de fiscalização do exercício profissional em Taubaté e região. Os municípios a serem fiscalizados são Taubaté, Caçapava, Jambeiro, Pinda, Tremembé, Aparecida, Potim, Bananal, Arapei, São José do Barreiro, Areias, Queluz, Silveiras, Cachoeira Paulista, Canas, Cruzeiro, Guaratinguetá, Lagoinha, Redenção da Serra, São Luiz do Paraitinga, Natividade da Serra, Lavrinhas, Lorena, Piquete, Roseira.

A operação irá acontecer em dois momentos, em que serão realizadas fiscalizações em serviços e obras de Engenharia, Agronomia e Geociências. Entre os dias 13 e 24 de setembro, a ação terá como foco instalações atacadistas, empresas com serviços irregulares e sem registro, obras de médio e grande porte, e demandas da Comissão Auxiliar de Fiscalização (CAF). Participam da operação dez agentes fiscais do Crea-SP, entre os dias 13 e 17 de setembro, e seis agentes fiscais entre os dias 20 e 24 de setembro.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) deu início, nesta segunda-feira, dia 13 de setembro, a uma força-tarefa de fiscalização do exercício profissional em Taubaté e região. Os municípios a serem fiscalizados são Taubaté, Caçapava, Jambeiro, Pinda, Tremembé, Aparecida, Potim, Bananal, Arapei, São José do Barreiro, Areias, Queluz, Silveiras, Cachoeira Paulista, Canas, Cruzeiro, Guaratinguetá, Lagoinha, Redenção da Serra, São Luiz do Paraitinga, Natividade da Serra, Lavrinhas, Lorena, Piquete, Roseira.

A operação irá acontecer em dois momentos, em que serão realizadas fiscalizações em serviços e obras de Engenharia, Agronomia e Geociências. Entre os dias 13 e 24 de setembro, a ação terá como foco instalações atacadistas, empresas com serviços irregulares e sem registro, obras de médio e grande porte, e demandas da Comissão Auxiliar de Fiscalização (CAF). Participam da operação dez agentes fiscais do Crea-SP, entre os dias 13 e 17 de setembro, e seis agentes fiscais entre os dias 20 e 24 de setembro.

De 2015 a 2020, as ações de fiscalização do Crea-SP aumentaram cerca de 300%. O crescimento se deve ao uso das tecnologias para apoio à fiscalização, com pesquisas e apurações remotas antes dos agentes fiscais irem a campo e, também, à adoção do modelo das forças-tarefas em todo o Estado. No primeiro semestre de 2021, o Crea-SP registrou cerca de 105 mil ações fiscalizatórias. A expectativa é alcançar 200 mil ações até dezembro de 2021.

O Crea-SP é responsável por fiscalizar o exercício profissional, garantindo que exista sempre um responsável técnico habilitado e registrado à frente das atividades abrangidas pelas Engenharias, Agronomia e Geociências, contribuindo assim para a segurança da sociedade e dos próprios profissionais.

Sobre o Crea-SP - Instalada há 87 anos, a autarquia federal é responsável pela fiscalização, controle, orientação e aprimoramento do exercício e das atividades profissionais nas áreas da Engenharia, Agronomia e Geociências. O Crea-SP está presente nos 645 municípios do Estado, conta com cerca de 350 mil profissionais registrados e 75 mil empresas registradas.

Desenvolvido por Ative Comunicação